GURGEL MOTORES: A história do inicio, meio e fim
19 de maio de 2015
TOP TEST: Citroën C3, o compacto que caiu no gosto delas
24 de maio de 2015

Chega ao Brasil o novo Mercedes-AMG C 63 S

Autêntico dinamismo e pura paixão: o novo Mercedes-AMG C 63 S, que está  chegando ao mercado brasileiro, foi desenvolvido em cada detalhe para máximo desempenho. Seu motor V8 biturbo 4,0 litros e 510 cv de potência proporciona um impressionante nível de desempenho e uma sonoridade emocionante.

 

Este novo motor proporciona ao Mercedes-AMG C 63 S um torque de incríveis 700Nm, algo único neste segmento. Destaques dinâmicos como a suspensão esportiva AMG RIDE CONTROL, o diferencial blocante traseiro controlado eletronicamente ou o sistema DYNAMIC SELECT com modos de transmissão específicos da AMG demonstram claramente no projeto da C 63 S a influência das incontáveis vitórias da Mercedes-AMG nas pistas de corrida.

Alta performance

Os novos automóveis de alta performance saídos de Affalterbach são os únicos em seu segmento equipados com motor biturbo com oito cilindros. A consequência é sua potência esportiva, um vasto torque e – típico da AMG – uma sonoridade altamente emocionante. Graças à potência e ao torque superior, o motorista é agraciado com índices de desempenho inigualáveis: o C 63 S acelera de 0 a 100 km/h em 4,0 segundos, e a velocidade máxima é 290 km/h (limitada eletronicamente). Com uma relação peso-potência de 3,2 kg/cv, o novo modelo AMG V8 mais uma vez encabeça o ranking entre seus concorrentes.

O motor V8 biturbo 4,0 litros, membro mais novo da família de motores BlueDIRECT, se destaca pela disponibilidade de força, a construção intencionalmente leve e sua alta eficiência e compatibilidade ambiental. Ele também atende às mais altas expectativas relativamente ao conforto sonoro e vibrações.

O novo motor AMG V8 tem dois turbocompressores que não são montados dos lados externos das bancadas de cilindros, mas dentro do V formado por elas. Os especialistas chamam isso de “hot inside V”, ou “V interno quente”. As vantagens são dimensões mais compactas, ótimas respostas, um melhor caminho para o fluxo de ar e menores emissões de escapamento.

Injeção direta de gasolina piezelétrica com combustão dirigida por aspersão

A injeção direta piezelétrica usada pela Mercedes-Benz é responsável pela formação da mistura ar-combustível. O processo de combustão dirigido por aspersão foi desenvolvido ainda mais em sua terceira geração, para atender às futuras exigências da legislação. Um sofisticado sistema de arrefecimento do motor, com um radiador adicional na caixa de roda e maior troca de calor garante alta eficiência, aumentando assim o desempenho em velocidade de pista de corrida.

Empolgação e personalidade

Na Mercedes-AMG o som ideal do motor é um importante objetivo durante o desenvolvimento. Um sistema de escapamento esportivo com tecnologia especial é usado no Mercedes-AMG C 63 S para proporcionar maior apelo emocional. Dependendo do modo de transmissão escolhido no AMG DYNAMIC SELECT, o som do motor varia entre notas sutis para longos percursos. Isto é obtido por um defletor localizado na parte dianteira do sistema de escapamento duplo, operado de forma variável dependendo do modo de transmissão, a solicitação de força feita pelo condutor e a rotação do motor. 

Coxins dinâmicos do motor 

Novidade e item único em seu segmento: o C 63 S, da mesma forma que o Mercedes-AMG GT, é equipado com coxins do motor dinâmicos. Eles integram requisitos de conforto e desempenho dinâmico, reduzindo as vibrações da unidade motor-transmissão. Os coxins dinâmicos se adaptam constantemente e modificam sua rigidez de acordo com as condições de rodagem e estilo de condução. Coxins mais macios aumentam o conforto. Por outro lado, a dirigibilidade e a agilidade do veículo se beneficiam de uma regulagem mais rígida.  

Tradição de excelência feita à mão: “um homem, um motor”

O motor 4,0 litros V8 biturbo é montado manualmente em Affalterbach segundo o princípio “um homem, um motor”. Além de servir como marca registrada da AMG atestando sua qualidade e precisão, o logotipo dos motores AMG com assinatura do técnico responsável sob a estrela é prova do impecável DNA da divisão de performance da Mercedes-Benz. 

Dinamismo variável: transmissão esportiva AMG SPEEDSHIFT MCT com sete marchas 

A transmissão desempenha um papel importante no caráter esportivo do novo Mercedes-AMG C 63 S. O sistema esportivo AMG SPEEDSHIFT MCT com sete velocidades impressiona por sua dinâmica sob medida e a alta flexibilidade. A transmissão MCT foi totalmente adaptada para ser usada no modelo e responde a todos os comandos de troca de marchas de forma ainda mais imediata.

Nos modos “Sport +” e “Race”, a transmissão é ainda mais rápida. Há uma evidente mudança na percepção de seu dinamismo. É possível escolher entre os modos “Comfort”, “Sport”, “Sport +” e – uma exclusividade do C 63 S – “Race”. Os modos de transmissão definem o momento de troca das marchas, modificando claramente as características de dirigibilidade do veículo.

Função RACE START para máxima aceleração na partida

A função RACE START oferece o máximo em dinamismo, proporcionando a melhor aceleração possível a partir da imobilidade como, por exemplo, na largada de uma corrida. A rotação ideal para a partida é estabelecida automaticamente. O condutor precisa apenas soltar o freio e o automóvel acelera com força máxima. O controle da transmissão de dupla embreagem responde à tração momentânea dos pneus, garantindo que o deslizamento dos pneus com o RACE START permaneça dentro do máximo coeficiente de atrito dos pneumáticos. O condutor não tem que trocar as marchas manualmente: a transmissão AMG opera o câmbio automaticamente, com tempos de troca extremamente curtos.

Suspensão AMG RIDE CONTROL com amortecimento regulável de três estágios 

Agilidade notável, altas velocidades nas curvas e ótima neutralidade: tudo isso é possibilitado pelo desenvolvimento do sofisticado sistema de suspensão. O Mercedes-AMG C 63 S tem eixos exclusivos com alto conteúdo de elementos de alumínio, cinemática voltada à performance, amortecedores controlados eletronicamente e elastocinemática desenvolvida especificamente pela AMG. Com a suspensão AMG RIDE CONTROL, o condutor pode escolher entre o máximo de esportividade e o mais alto conforto para longas distâncias em três estágios, ao comando de uma tecla.

O veículo conta com uma suspensão dianteira com quatro braços e conexões de freios especiais para competição. Juntas de direção especialmente desenvolvidas para o modelo e uma bitola mais larga permitem chegar a uma aceleração lateral maior.

Para melhorar a tração e o dinamismo do veículo, o Mercedes-AMG C 63 S possui um diferencial blocante traseiro que reduz o escorregamento da roda interna na curva sem intervenção do freio. Desta forma, é possível acelerar mais cedo na saída das curvas. O automóvel é mais estável nas frenagens em alta velocidade e o diferencial blocante também contribui para melhorar a tração.

O sistema de controle de estabilidade (ESP) de três estágios, com as funções “ESP ON”, “ESP SPORT Handling Mode” e “ESP OFF”, funciona em perfeita sintonia com o diferencial blocante e é acertado de forma ideal para proporcionar um excepcional comportamento dinâmico e seguro.

A direção eletromecânica esportiva AMG sensível à velocidade ajuda a pilotar com agilidade. O condutor é beneficiado pela redução direta e ótimas respostas. Ela também tem assistência variável, ou seja, a intensidade da assistência é ajustada eletronicamente para se adequar à velocidade do veículo. Ela não apenas responde à velocidade, mas também à aceleração lateral momentânea e ao modo de condução selecionado por meio do sistema AMG DYNAMIC SELECT.

O Mercedes-AMG C 63 S tem de série pneus 245/35 R 19 na dianteira e 265/35 R 19 na traseira, montados em rodas de liga leve com cinco raios pintadas de cinza titânio com acabamento em alto brilho. Os discos dianteiros são de material composto, com 390 milímetros de diâmetro, e as pinças vermelhas têm logos AMG pretos.  

Modos da transmissão AMG DYNAMIC SELECT

O condutor pode modificar as características do C 63 S em cinco diferentes modos oferecidos pela transmissão AMG DYNAMIC SELECT. Ele pode escolher entre várias regulagens pré-configuradas.

O modelo é equipado com o exclusivo modo “RACE”. Com ele, as reações características do motor V8 biturbo 4,0 litros ficam ainda mais imediatas. Da mesma forma que no modo “Sport +”, a rotação em ponto morto é aumentada de 600 para 800 rpm, para melhorar a aceleração na arrancada. Os sistemas de escapamento, suspensão e direção ficam no nível “Sport +”, enquanto o Programa Eletrônico de Estabilidade (ESP) muda para o modo “SPORT HANDLING” (condução esportiva), permitindo maior ângulo de derrapagem controlada. A transmissão aciona também o modo “Race”, configurado para manter o motor na melhor rotação na marcha mais reduzida possível ao conduzir em velocidade de corrida. A direção esportiva eletromecânica permanece como no modo “Sport +”. O modo “RACE” é complementado por rápidas e imediatas trocas de marchas.

A forma segue a performance – o design reflete a tecnologia

O design do poderoso modelo V8 topo de linha é influenciado pelo automobilismo esportivo e reflete sua fascinante tecnologia. Exigências essenciais aerodinâmicas e de resfriamento foram incorporadas à linguagem de design para assegurar a adequação perfeita do C 63 S às extremas exigências das pistas de corrida.

O Mercedes-AMG C 63 S fascina à primeira vista. Suas superfícies com contornos puros e reduzidos são ligeiramente convexas, para dar ao modelo uma personalidade mais dinâmica. O Mercedes-AMG C 63 S tem molduras de rodas de alumínio alargadas em 14 milímetros de cada lado e sua seção dianteira completa é 54 milímetros maior que a do Classe C normal. A maior bitola e o motor de oito cilindros exigem uma dianteira específica para o modelo. Além disso, a estrutura da carroceria é reforçada em certas áreas para transferir e compensar as extremas forças lineares e laterais geradas pelo trem de força e a suspensão.

O longo capô de alumínio garante aparência robusta em combinação com as molduras de rodas destacadas. O marcante capô passa por uma dramática transição até a grade do radiador, fazendo o veículo parecer acelerar mesmo em repouso. Essa impressão é reforçada pela grade “twin blade” (dupla lâmina) baixa e em forma de flecha com a identificação AMG, que rebaixa visualmente o centro de gravidade do modelo.

A asa em “A” no conjunto dianteiro, característica dos modelos AMG, é tridimensional e também funciona como defletor de ar para as três entradas de resfriamento. Aletas otimizam o fluxo de ar para os módulos de arrefecimento. Um defletor frontal na borda inferior do envelope dianteiro ajuda a reduzir a tendência de levantamento em alta velocidade.

O inserto difusor com três barbatanas na traseira é um item adaptado do automobilismo eem conjunto com as aberturas de ar simuladas nas laterais com defletores bem definidos, ajuda a melhorar o índice Cd (coeficiente aerodinâmico). O Mercedes-AMG C 63 S também apresenta um novo e destacado defletor sobre a tampa do porta-malas.

Interior extremamente atraente

Cada detalhe do interior do Mercedes-AMG C 63 S é extremamente empolgante: materiais de alta qualidade, cuidadosamente selecionados, com toque agradável, e desenvolvimento preciso geram um alto nível de percepção de qualidade. Ao abrir a porta, o condutor é recepcionado pela tela de partida AMG: uma imagem animada do veículo aparece no display multifuncional do painel de instrumentos e “pisca” seus faróis.  Além disso, o logotipo AMG aparece na tela central do painel.

O painel possui forração ÁRTICO preta com costuras salientes em cinza cristal, enquanto o friso de alumínio e o relógio analógico criado pela IWC especialmente para a AMG acentuam a alta qualidade. A superfície de toque é ladeada pelo comando AMG DYNAMIC SELECT e vários outros controles especiais da AMG.

O ambiente esportivo e dinâmico também é enriquecido pelo volante Performance de três raios com marcação da posição 12 horas e pelo painel de instrumentos.  A superfície exclusiva traz uma sofisticada iluminação interior. A velocidade é mostrada em números até 320 km/h, juntamente com a marcha engatada, no mostrador multifuncional.

Especificações técnicas

 

Mercedes-AMG C 63 S

Cilindros

V8

Cilindrada (cm³)

3.982

Potência (cv/rpm)

510/5.500

Torque máx. (Nm/rpm)

700 / 1.750 – 4.500

Aceleração 0-100 km/h (s)

4,0

Velocidade máxima (km/h)

290*

Peso (kg)

1.730

Pneus

245/35 R19 (F) / 265/35 R19 (R)

Capacidade do porta-malas (L)

480

Tanque de combustível (L)

66/10

Dimensões (mm)

Comprimento

Largura

Altura

 

4.756

2.020

1.426

* limitada eletronicamente

O Mercedes-AMG C 63 S estará disponível a partir de junho em todos os concessionários do Brasil com preço sugerido de US$ 209.900,00.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *